sábado, 9 de julho de 2011

O que me atormenta é que tudo é por enquanto, nada é sempre.

Clarice Lispector.

Nenhum comentário:

Postar um comentário